05/11/2013

Saudade sem pressa

Quanta saudade daqueles dias simples, das coisas simples,
Do tempo em que minhas maiores preocupações giravam em torno das provas (especialmente de matemática, e olhe lá!). 
Tudo bem, não era bem assim também....
Mas parecia ser.

Hoje tudo é tão mais intenso, mais cansativo, mais esgotante.
Pareço uma velha reclamona.
Mas sinto falta daqueles dias.

A gente tem tanta pressa em crescer e depois fica com vontade de voltar no tempo.

26/09/2013

Frustrada.
Sensação de fracasso em todos os setores da minha vida.
Aquela coisa de: "nada do que faço dá certo... Sou um erro."
Dormi com isto no pensamento, ou melhor, não dormi por ter isto em pensamento.
Falhar muitas vezes como filha,
Falhar como amiga,
Não conseguir realizar meus sonhos como profissional,
Não ser para aquele que eu amo o que eu gostaria...
Uma solidão tão grande e tão sufocante...
Tempo perdido? Tudo em vão?
Vontade de sumir no mundo e ver se me encontro por aí...

Alguém me perguntou um dia destes: "você é feliz?"
Respondi algo como "Felicidade é passageira, são momentos e blá blá blá..."
Mas como eu gostaria de poder dizer um enorme SIM!

Tenho inveja daqueles que vivem com um sorriso no rosto.
Tenho inveja daqueles que tão facilmente alcançam seus objetivos e não encontram muita dificuldade pelo caminho...

Porque hoje, só me vem uma vontade de desistir. 
Jogar tudo pro alto.
E o que tiver de ser, será.

02/09/2013

Quando a certeza se torna um Se...


Nós temos o costume de fazer planos para nossas vidas baseadas em certezas.
Quando isso.. Quando aquilo...
Mas é tudo imprevisivel. 
Num segundo nossas vidas mudam..
Laços são desatados, relacionamentos sāo desfeitos, despedidas inesperadas.. Partidas...
Erros que cometemos e nāo podemos voltar atrás...
Erros cometidos conosco e que nāo somos capazes de esquecer..
Coisas que determinam nosso caminho.
Escolhas feitas.
Num dia, olhamos para tras e percemos que todas as nossas certezas nao existem mais. 
Se tornaram se's.
A unica coisa que sabemos é que iremos morrer algum dia. Mas nāo sabemos quando, nem onde, nem como.

______________________________



Se não puder ser alguem que irá me tirar os meus melhores sorrisos e me fazer sentir a pessoa mais feliz do mundo, não seja alguem que me arranca lágrimas nem me faça infeliz.
Sei que mereço muito mais do que isso.

13/08/2013

Return

É engraçado como as vezes alguém que nem te conhece direito te diz as palavras certas que melhoram o seu dia.
As pessoas com quem convivemos todos os dias, acabam esquecendo certos detalhes importantes, como um simples elogio, uma palavra mais amiga, ou o simples "escutar".
Sou alguém de poucos amigos e muitos conhecidos.
Dou valor ao singelo, ao companheirismo, ao ser empático com as pessoas, se colocando no lugar delas.
Hoje em dia isso é raro.
Andamos com tanta pressa para tudo, que esquecemos de perguntar "Como foi seu dia?",
ou se perguntamos, torcemos para dizer que foi tudo bem e pronto.
Respostas curtas. É como alguém que pergunta se você está bem e você responde que sim, mesmo estando em frangalhos por dentro.
A vida da gente passa tão rápido...
as pessoas passam tão rápido por nossas vidas...
É triste não poder dar adeus sem ter dito tudo o que queria.
É triste perder a convivência com pessoas que se tornaram tão especiais e essenciais.
Fica um vazio... que só cresce.
E seguimos em frente com estas despedidas mal feitas, pesos na consciência, palavras não ditas, saudades, memórias...
Seguimos em frente porque é o único caminho.
Não há botão Return.
______________________________________

"...Todo dia ele toma um gole
Pra esquecer tudo o que deixou pra trás
Todo dia ele se arrepende de não ter
Feito o que era capaz
Vê que a vida que leva não é a mesma
E essa rotina já não satisfaz
Todo dia isso se repete e ele procura
Encontrar a sua paz"

07/07/2013

.

Há muito (ou não tanto assim) tempo atrás, viver era pesado.
Sempre me sentia com um peso nas costas e um aperto no peito, inexplicáveis.
Não disse isso a quase ninguém... Aliás, acho que por isso tenho essa sensação de carregar pesos.
Eu não compartilho. 
Se você passar por mim na rua, me vir sentada em um bar com amigos ou qualquer coisa parecida, vai pensar: "Essa menina está feliz! Olha esse sorriso?"
Mas ao olhar no fundo dos meus olhos, ao ver seu brilho, irá perceber que lá no fundo alguma coisa incomoda e muito.
E por mais que seja difícil para mim compartilhar, é difícil sentir solidão.
O aperto tem voltado.
Olha para minha vida agora, e não vejo nada que possa me fazer sorrir de verdade.
Nada que me diga que vai ficar tudo bem.
Até porque, meu histórico diz que quando as coisas estão ruins, acabam piorando.
E eu não sei se aguento mais...

Só queria ter a certeza de que vai ficar tudo bem.
Só queria que essa dor passasse logo.

29/06/2013

Grandes amores...



Depois dele, todos os caras com quem me relacionei pareciam faltar algo.
Sempre sentia um certo vazio, uma incompletude.
Sei que por natureza somos incompletos, mas esta da qual eu falo, é a da relação mesmo...
A sensação de que esqueceu alguma coisa...
E eu sabia que era ele. 
Sabia que a gente tinha deixado as coisas meio incertas, sem ponto final...
Parecia que eu queria encontra-lo em outros braços.
Ou encontrar aquela sensação de novo... 
Sempre pensei que seria com ele que subiria ao altar.

Até que, sem perceber, num sapo-príncipe, me percebo assim.
Um sapo-príncipe que me faz pensar num futuro ao seu lado.
Que me mata de raiva, de orgulho, de alegria, e de amor...

É bom sim, depois de tantos anos, ouvir daquele cara que tanto amei, que ele ainda me ama.
É bom (ou não) saber que ele ainda não conseguiu se casar com a pessoa que está, porque ainda pensa em mim as vezes...
É bom sim saber que se tem um amor assim.
Num mundo onde tantas pessoas te desejam o mal, um mundo de inveja, de falsidades, sentimentos puros e singelos são raros!

Mas eu quero ter este mesmo amor puro e singelo, companheirismo, amizade e tudo o que tenha direito (e aqui incluo ate as crises) com o sapo-príncipe.
Porque a vida não é um conto de fadas.
E meu coração, tendo se partido algumas vezes, hoje bate num ritmo diferente, mais forte, mas mais seguro do que quer.
Ele me encontrou e eu o encontrei.


18/06/2013

Efemeridades

Eu disse: - Não solta a minha mão!
E eles responderam: - Amigos não soltam nunca!

Desde então não nos vimos mais.

_____________________

É triste perceber que para alguns você é lembrado apenas em certas ocasiões, quando é cômodo para eles. É triste como a amizade pode se transformar em coleguismo e depois em um simples "oi, tudo jóia?", ao se esbarrarem em um lugar qualquer.
Neste momento, acredito que assim como para mim, venham milhares de lembranças à mente do outro. E a gente se questiona o que diabos aconteceu que nos afastamos tanto e nem nos conhecemos mais....

21/05/2013

Brilha brilha estrela.

L

Quando a saudade bate e não há abraço ou encontro que mate, quando não se ouve
 mais o ruído da voz, quando não se pode rir das piadas de sempre ou se emocionar com as poesias únicas...
Resta doer o peito e deixar rolar as lágrimas.
Lá no céu sei que uma estrela brilha mais forte.

27/04/2013

"Apaixone-se por alguém que te curte, que te espere, que te compreenda mesmo na loucura, por alguém que te ajude, que te guie, que seja teu apoio, tua esperança. Apaixone-se por alguém que volte para conversar com você depois de uma briga, depois do desencontro. Apaixone-se por alguém que sente sua falta e que queira estar com você. Não apaixone-se apenas por um corpo ou por um rosto ou pela ideia de estar apaixonado."


(Desconhecido)

20/03/2013

Desassossegada




A Raça dos Desassossegados

À raça dos desassossegados pertencemos todos, negros e brancos, ricos e pobres, jovens e velhos, desde que tenhamos como característica desta raça comum, a inquietação que nos torna insuportavelmente exigentes com a gente mesmo e a ambição de vencer não os jogos, mas o tempo, este adversário implacável.
Desassossegados do mundo correm atrás da felicidade possível, e uma vez alcançado seu quinhão, não sossegam: saem atrás da felicidade improvável, aquela que se promete constante, aquela que ninguém nunca viu, e por isso sua raridade.
Desassossegados amam com atropelo, cultivam fantasias irreais de amores sublimes, fartos e eternos, são sabidamente apressados, cheios de ânsias e desejos, amam muito mais do que necessitam e recebem menos amor do que planejavam.
Desassossegados pensam acordados e dormindo, pensam falando e escutando, pensam ao concordar e, quando discordam, pensam que pensam melhor, e pensam com clareza uns dias e com a mente turva em outros, e pensam tanto que pensam que descansam.
Desassossegados não podem mais ver o telejornal que choram, não podem sair mais às ruas que temem, não podem aceitar tanta gente crua habitando os topos das pirâmides e tanta gente cozida em filas, em madrugadas e no silêncio dos bueiros.
Desassossegados vestem-se de qualquer jeito, arrancam a pele dos dedos com os dentes, homens e mulheres soterrados, cavando uma abertura, tentando abrir uma janela emperrada, inventando uns desafios diferentes para sentir sua vida empurrada, desassossegados voltados pra frente.
Desassossegados desconfiam de si mesmos, se acusam e se defendem, contradizem-se, são fáceis e difíceis, acatam e desrespeitam as leis e seus próprios conceitos, tumultuados e irresistíveis seres que latejam.
Desassossegados têm insônia e são gentis, lhes incomodam as verdades imutáveis, riem quando bebem, não enjoam, mas ficam tontos com tanta idéia solta, com tamanha esquizofrenia, não se acomodam em rede, leito, lamentam a falta que faz uma paz inconsciente.
Desta raça somos todos, eu sou, só sossego quando me aceito."


(Martha Medeiros)


06/03/2013

O homem quando está em paz...



Você pode não ser um fã de 'carteirinha', você pode não ter ido à sequer um show, você pode não conhecer muito sobre ele, mas pode ter certeza, você sabe o melhor que ele pôde passar, seu dom, seu som, um desabafo, você já cantou as letras que ele compôs, você com certeza já precisou das letras que minunciosamente ele criou para se expressar, para se declarar... é mais que certo dizer que Alexandre Magno, Chorão, Charlie Brown, vai fazer falta.

 Triste e amargo saber que não mais ouviremos sua voz "tão natural quanto a luz do dia" ...

Embalou muitos momentos da minha adolescência.
Marcou vários outros da minha juventude e posso dizer que suas letras me fizeram e fazem pensar tanto sobre a minha vida quanto sobre a sociedade da qual fazemos parte.
Me arrancou risos e lágrimas.. Cantei com a voz rouca de tanto gritar, de tanto chorar... 
Cantei alto, cantei baixinho e so em pensamento...
Só os loucos sabem o efeito que suas musicas provocam.

Você deixou saudades.... Hoje somos todos Chorões.


Só por hoje.

Abri a pagina de postagem para escrever sobre você.
Sobre nós.
Mas fiquei alguns minutos com a tela em branco, dedos imóveis sobre o teclado.
Já falei tanto de você e de mim aqui, e agora me faltam palavras.
É que dentro de mim tudo parece tão confuso as vezes...
Sempre tive certeza de nós, do nosso futuro juntos...
E agora sinto tudo tão distante...
O sentimento não mudou em nada. Nem a vontade de estar junto.
O amor é o mesmo.
Mas com uma certa angústia.
O que antes foi sempre segurança, foi sempre certeza do nosso futuro,
hoje é a certeza do nosso agora, do amanhã.
Do dia-a-dia. Um passo de cada vez.
Como alcoólicos anônimos, "Só por hoje".
A alegria do final do dia, poder dizer que venceu mais um dia.
A incerteza do amanhã, o medo do que virá, do que irá enfrentar, acompanhados da esperança.
E não é isso que é a vida?
Um dia de cada vez?

Mas quero sonhar uma vida de verdade ao seu lado. Como sempre fizemos.
Quero ser pra você a mulher que você sempre diz e dizia ver em mim. Por completo.
E quero que você seja assim pra mim também. 
Como fomos.
Por completo. E isto inclui nossos vários defeitos. 

Então, cururu...
Te amo. "Só por hoje."

Até que seja pela vida inteira...

03/03/2013

.



Senhor, da-me forcas para aceitar as coisas que não posso mudar,
Seriedade para mudar as que posso,
Sabedoria para saber a diferença.


Da-me sabedoria para saber o caminho a seguir, e se o caminho for doloroso, da-me conforto.
Encha-me do Teu amor. Olhai por mim como tens feito.

Encha-me de esperanças.
Muitas vezes sou fraca para desistir por saber que sou forte demais para seguir.
E seguir seria admitir que não há esperança....





14/02/2013

Crônica do amor que se perdeu. [Para uma grande amiga]



"20:42 de uma Quarta-feira de Cinzas.
Lá estava a garota dos olhos solitários a olhar o carnaval dos amigos tantos das redes sociais, que de redes e de sociais não tinham nada.
Entre uma pagina e outra, clicou naquele que fora seu cunhado, só de curiosidade pelo lugar onde este passara o feriado carnavalesco.
Entre uma postagem e outra do ex-cunhado, os olhos solitários localizaram aqueles olhos que um dia tiraram a solidão dos seus. Era a foto da família e "ele" estava nela. Aquele a quem tanto amou.
Mas algo estava diferente.
Ele tinha no dedo anelar direito um anel dourado...
Se lembrou de todos os momentos que passaram juntos, de todas as promessas feitas um ao outro, todas as vezes que gritaram aos ventos, - mesmo depois de tanto tempo separados - que o amor ainda vivia ali e um dia se casariam.
Aquelas lembranças agora definitivamente eram apenas lembranças. Nada mais.
A aliança naquele dedo não continha seu nome.
Não tivera a felicidade de responder "sim" ao seu pedido.

Tampouco imagina-se respondendo "sim" algum dia...
Seus olhos solitários nunca mais tiveram companhia como aquela.
Adormeceu profundamente, ao som de Adele.
Ao acordar aquela manhã, sentiu-se um pouco mais leve.
Mas não de alivio.
Um pedacinho de seu coração havia sido levado.

Ela era a garota dos olhos solitários e do coração incompleto."

"Nothing compares, no worries or cares
Regrets and mistakes, they're memories made
Who would have known how bitter-sweet
This would taste?
Nevermind, I'll find someone like you
I wish nothing but the best for you
Don't forget me, I beg
I remember you said:
"Sometimes it lasts in love, but sometimes it hurts instead"


Que não deixemos para depois o que pode e deve ser dito hoje.
Que não percamos os amores.
Nem os grandes amores e muito menos o amor próprio.
Que nossos olhos nunca fiquem solitários e nossos corações sejam completados.
Que as dores durem minutos e as alegrias uma vida inteira.
Que não se perca, que eu não me perca.
Que não haja arrependimentos.
Minha querida, nevermind! 
Seus olhos solitários encontrarão outros olhos que te encherão de muito amor.

12/02/2013

O amor por um fio (?)



Toda relação que é muito sólida, passa a impressão de ser cmo uma represa.
Basta uma pequena rachadurazinha, um pequeno vazamento, para que tudo se rompa e desabe.

As boas relações as vezes ficam sim por um fio.
Fios de aço. Estes fios podem se balançar, se esticar... Mas nunca se rompem de verdade.
Que seja assim sempre.

Afinal, o que é verdadeiro sempre volta e quem tem que ficar fica.

;)

10/02/2013

Uma saudade de (dar) nós.



“Um dos piores tipos de saudade é conviver com uma pessoa e sentir falta de como ela já foi um dia.”
— Milonga.