09/02/2016

Não se arrependa de envelhecer! :3



Inicio hoje o vigésimo sexto ano da minha vida. 
Eu poderia ter feito muito mais nos vinte e cinco que se foram, mas também nao fiz pouca coisa. Acho que fiz o que fui capaz nas circunstâncias que me encontrava. A maioria dependia de mim, não todas. 
Muita gente leva a vida sem tomar responsabilidade pelos próprios erros e fracassos, culpando os outros ou procurando o que quer que seja pra se justificar. Não. Não faço isso. 
Eu sei que poderia ter sido melhor, mas sei que fiz o possível para mim. 
Hoje, aos vinte e seis, minha cabeça não é tão igual a dos dezesseis. 
Sinto meu amadurescimento de uma forma que as vezes me acho uma chata. Haha! E dá saudade daquela menininha dos dezesseis... 
Hoje sinto necessidade de estabilidade ao mesmo tempo em que anseio por aventuras e conhecimento. 
Hoje meu circulo de amigos é minúsculo. De colegas também. Mas meu laço com minha família é mais forte. 
Hoje minhas noites são metade em claro devido a minha ansiedade, preocupações com coisas que nem senpre tem a ver comigo...
Pois é. Insônia crônica. Mais uma pra lista dos problemas. Por sinal, dizem que quando vamos ficando mais velhos os problemas aumentam. Minha gaveta de remédios é prova disso. Hahahaha!!! 
O que eu quero pra hoje, pra esse ano e para os anos seguintes, é saúde, paciência, sabedoria e sucesso. Em tudo que me propuser a fazer. Seja na minha estabilidade, seja em minhas aventuras... E que tenha sempre aquele alguém que vai se lembrar de mim, fazer uma pequena prece em meu nome e sorrir. 
Porque já fiz a diferença na vida dele de alguma forma. 
Amém.