30/06/2011

Fragile



Expus minha fragilidade.
Derramei mais lágrimas do que imaginei ser capaz.
Até a cabeça doer.
E ainda restaram algumas.
Mas não quero que elas saiam.
Porque me falta o ar e a dor é enorme.

Joguei de lado minha casca, minha armadura.
Aliás, nunca as tive quando estava ao lado dele.
Sempre me mostrei como sou.
Nua e crua.
Sentimental..
Intensa.

Independente do tempo que estamos juntos, a gente já viveu muita coisa.
E o sentimento aqui dentro de mim só fez crescer.
Mesmo com tudo o que aconteceu e o que ouvi.
Queria ter forças pra simplesmente apagar e deixa-lo seguir, já que não sabe o que fazer.
Mas eu também não sei.
Porque este sentimento me prende.
E eu não quero perde-lo.
Não quero que acabe.
Não assim.
Vai doer muito mais.

Eu sei que a gente pode sim ser feliz junto.
Sei que este sentimento pode crescer, tanto em mim quanto nele.
Sei que pode também não acontecer e a gente sair machucado.
Mas a dor do "se" é muito pior.
A incerteza, o estar abrindo mão de algo que poderia ser tão bom, tão lindo, tão forte.

E se não for, não é culpa de ninguém. Só da vida.
Se eu não tivesse isto dentro de mim, se não acreditasse, não estaria insistindo, lutando por este sentimento.
Não insisto em coisas que acredito que não levam a nada e lugar nenhum.

O pior é a gente ser tão parecido.
E eu me sentir completa, ate mesmo com os defeitos dele.

Se não fosse desta forma, seria tudo mais fácil.
Botaríamos um ponto final e pronto.

Mas esta incerteza nos ronda e enquanto ela existir, continuaremos sem saber o que fazer e o "muro" continuará existindo.

Queria que ele pudesse ver o que tenho dentro de mim...
____________________________
Espero que esta incerteza passe logo.
Pois ela me angustia.
Eu quero tê-lo ao meu lado por inteiro.
E se no final, se após as dúvidas a certeza for outra, o caminho estará livre.
E a gente segue.
Vai ser muito dificil no inicio.
Mas já reparou na capacidade de superação do ser humano?

O sentimento não acaba. Ele continuará aqui.
Eu só não queria mais uma história inacabada pra minha vida.
Ainda mais se é uma história que sei que pode dar certo, como tem dado.
Tenho vivido tudo da melhor forma que posso, com toda a intensidade que sou capaz.
Je t'aime... Pra caralho!

"O importante, o irreversível, o definitivo, o claro nessa história toda é que eu gosto muito de ti."

Caio Fernando Abreu

28/06/2011

Nos teus braços me sinto mais segura.




"Tudo que quero agora é apagar aquela tarde e aquelas palavras da minha memória.
Quero pensar que foi apenas mais um dos meus pesadelos estranhos e que já despertei do sono profundo.
Tudo vai ficar bem agora.
Nós vamos ficar bem. Muito.
Nem sequer consegui pensar em outro desfecho.
O dia terminou bem, como deveria.
E eu estava em seus braços."

27/06/2011

Flor de Liz

"Flor de liz, não vá dizer
Se o vento tem compaixão
Pra te ver, te fazer esquecer
Da dor no coração

Eu sei que o farol
Te faz relembrar
Das noites com girassol
Talvez se você não chorar
Se você me deixar ajudar


Te tocar no coração
Saber que mais forte que a dor
É o amor que bate por ti

Amor do tão bom beija-flor.

Flor me diz, o que fazer
Se um beijo seu eu não posso ter
Se não fiz, por merecer
Quem sabe se eu te disser

Mas duro é o amor de partir
Se fica a olhar ele ir
Mas puro é o amor que está aqui
É só você se deixar sentir


Não temer só sorrir
Dizer que só quer ser feliz
Poder ver o pôr-do-sol
Com o beija-flor
Não mais com o girassol."


Flor de Liz - Circuladô De Fulô]

_______________
Eu sou apaixonada por esta música.
Sempre fui.
A letra dela é perfeita.

Acho que nem preciso dizer mais nada.
;)

BeijOs

24/06/2011

Palavras que saem como lágrimas




Será tão difícil assim tentar compreender o que sinto?
Ou melhor, será que é possível se importar com o que sinto?
Não brinco quando digo que me chateia, que me machuca, que me dói.
Dói sim.
Dói fundo.
Forma um buraco imenso.
Não só dentro de mim, mas entre nós.
E o medo que tenho é que este buraco cresça cada vez mais.
Eu tento jogar terra por cima, mas você está com a pá nas mãos.
Você é quem tem o poder de aumentá-lo ou acabar com ele.

Parar de ficar alimentando estas coisas que só fazem nos afastar e me machucar.
Não é besteira minha.
Eu sinto, poxa!
Se sinto é porque gosto de ti!
É tão difícil enxergar isso?
Por que não me deixa gostar direito?
Por que impõe esta barreira?

Já demos tantos passos, por que não ir adiante? Por que carregar um peso tão grande conosco?

Eu tenho sim medo que isto acabe. O tempo todo.

Mas você parece não ter. As vezes parece nem se importar se isto vier a acontecer.
Acho que deveria pensar nisso, pois por mais que eu sinta, por mais que eu goste, por mais que esteja apaixonada e queira você do meu lado com todos seus defeitos (sim, vc tem!) e suas qualidades e seu passado que persegue, eu não sei até quando aguento a presença fantasma do teu passado, a incerteza do quanto te tenho, etc.

Incertezas fazem parte da gente.
Mas a gente precisa de um pouco de segurança e amor pra se sentir feliz, pra amar de verdade, pra se dar por inteiro, pra viver.

Talvez você leia..
Talvez não.
Estou escrevendo pra não chorar (como você sabe que faço sempre).
E eu nem quero que você comente nada disso comigo. Só que leia e pense.
Tente me entender um pouco.
É só isso que te peço agora.
_________________________________________________

“Chegue bem perto de mim. Me olhe, me toque, me diga qualquer coisa. Ou não diga nada, mas chegue mais perto. Não seja idiota, não deixe isso se perder, virar poeira, virar nada. Daqui há pouco você vai crescer e achar tudo isso ridículo. Antes que tudo se perca, enquanto ainda posso dizer sim, por favor, chegue mais perto“


[Caio Fernando Abreu]

21/06/2011

As coisas de sempre...




Eu não quero o passado rodeando a todo momento, mas as vezes ele é insistente.
Se torna inevitável não pensar em tudo que já foi e pode ser ainda.

As vezes tenho a impressão de que enquanto ele está presente, não somos nós por inteiros.
Alguma coisa nossa fica pra trás.
Falta um pedaço, uma parte importante.

A gente precisa deixar de lado certas coisas, certas pessoas, certas lembranças pra conseguir viver o presente e construir um futuro.

Ter um passado e recordá-lo é bom, é natural.
Mas vivê-lo, não há mais possibilidade.
As coisas passam, as pessoas passam, as oportunidades passam e quando a gente vê, já foi.

E não resta mais nada além do "passado".
Nada é como antes. E não pode ser.

Nem quero que seja.
Quero viver coisas novas, novas histórias, novos sorrisos, novas preocupações, novos medos.

Então passado, fique aí no cantinho que é seu de direito e deixe que eu viva minha vida.

Eu faço por merecer!

Só um pouquinho de paz e amor...
Isso seria pedir demais?

13/06/2011

Historia perfeita!

"E quem um dia irá dizer que não existe razão nas coisas feitas pelo coração?







E quem irá dizer que não existe razão?"



___________________________________________________________________

Além de amar a música e a banda, o filme ficou uma graça!
Achei super bacana essa homenagem da vivo.
Acho que todo mundo já viveu uma historia parecida ao menos em alguns aspectos, né?
Pessoas tão diferentes em algumas coisas que se completam.
E tão parecidas em outras que parecem que viveram a vida inteira juntos.

beijOs a todos os apaixonados...
E que sirva de inspiração!

:)

09/06/2011

Questionário

Vi este questionário no blog da Lu dia desses e resolvi fazer. Tem uns dias já mas deixei pra postar hoje.
Achei bacana...
Taí gente!
BeijO.



01. Pegue o livro mais perto de você, abra na página 18 e encontre a 4ª linha:

"O que antes era tristeza, em alegria mudou."


02. Estique seu braço esquerdo o mais longe que puder. O que você encontra?

Um porta retratos com fotos de pessoas importantes.

03. Qual foi a última coisa que assistiu?

Seriado The Vampires Diarie

04. Sem olhar o relógio, que horas você acha que são?

20:30

05. Agora, olhe no relógio. Que horas são?

20:21

06. Sem contar o barulho do computador, o que mais está ouvindo?

Som da tv e musica que meu lindo está ouvindo (por skype)

07. Quando foi a última vez que saiu? Onde foi?

Final de semana todo.. Domingo fui a uma lanchonete, a uma Casa de açaí e noite no motel. hahahhaa!

08. Antes de começar esse questionário, o que estava fazendo?

Lendo blogs, emails, face e orkut, e cv com meu namorado.

09. O que está vestindo?

pijama.

10. Você sonhou a noite passada?

Estava dirigindo numa estrada linda, com um som no ultimo volume, cantando alto e super feliz. (não sei onde estava nem onde estava indo)

11. Quando foi a última vez que você deu risada?

Há pouco.. Ultimamente tenho dado muitas!

12. O que acha da pessoa que te indicou este desafio?

Peguei no blog da Lu, que é uma mulher incrível e uma mae maravilhosa, ne? ;)

13. Viu alguma coisa esquisita há pouco tempo?

Sempre vejo.. haha!

14. Qual foi o último filme que você assistiu?

No cinema: Velozes e Furiosos. em casa; À prova de fogo

15. Se você se tornasse milionário da noite para o dia, o que compraria?

Um carro e um apto ou casa. Aah... e roupas! renovaria o guarda roupas.

16. Uma coisa sobre você que eu não saiba.

Tem muitas...

17. Seu estado de espírito agora.

Alegre, apaixonada e gripada. haha

18. Se você pudesse ser qualquer mulher famosa, qual seria?

Tem um monte.. Giselle B. pelo sucesso na carreira, no amor, etc. Ivete S. também por isso, pelo talento e carisma, aaaah.. um monte. (mas não acho que a fama seja tão bom assim... Perde-se muito a privacidade)

19. Imagine que seu primeiro filho seja uma menina, como a chamaria?

Gosto de Sophia, Letícia, Yasmim...

20. Imagine que seu primeiro filho seja um menino, como o chamaria?

Gabriel, Rafael, Hugo, Yuri... Tem muitos!

21. Você pensa em morar fora?

Sim, para estudar.

22. O que você mais quer agora?

Hmmmm.. Ficar gudaaada com meu bem! Tá frio! Namorar nesse tempo é bom demais! (alias, em qualquer tempo..rs)

23. Qual a pessoa mais importante na sua vida?

Só uma? Meus pais e irmãos.

24. Qual seu sonho para curto prazo?

Me formar e arrumar um bom emprego.

25. O que você quer para já?

Terminar a monografia!

26. Se pudesse voltar no tempo, qual momento gostaria de reviver?

Tenho vários.. Mas alguns mais especiais, são com meu tio que faleceu,que gostaria de dizer muitas coisas pra ele, e com meus amigos que estão longe.. sinto muita falta.

_______________________________________

Bom, acho que é isso!

Estou sem tempo para escrever e deixar recados pra vocês! Mas eu sempre dou um jeitinho de dar uma olhadinha nos blogs, dar uma lida, ver o que ta acontecendo.. Só não da pra escrever nada. Estou ocupadissima com a facul!
fim de semestre aliado com monografia e estágio e namoro estao me ocupando muito!
hahahha

Mas ja ja entro de feeeerias!
Graças a Deus!

BeijO grande...

02/06/2011

Pela metade


Tenho muito amor dentro de mim para dar..
Mas nunca sei até quanto desse amor eu devo permitir que se manifeste em sua essência.
Depois de ter quebrado a cara tantas vezes , de ter me doado tanto, de ter me entregado tanto sem ter recebido em troca, acho que desaprendi.
Não sei se posso dizer assim, que desaprendi.
Mas acho que é isso.
Eu vivo com esse medo.
De não ser correspondida.
E por isso vou com um pé atrás, com armaduras e escudos em mãos.
Porque sou gato escaldado.
Não quero me molhar mais.
Não quero mais algo de mão única.
Preciso de mão dupla.
De vai e volta.
De reciprocidade.
De cumplicidade.

Quando eu gosto, gosto de verdade.
Vou fundo, de cabeça, por inteiro.
E é assim que desejo que seja.

Não quero nada pela metade.
Se não puder ser inteiro, não seja aos pedaços.
Pois aos pedaços é sofrer aos poucos.
E sofrer aos poucos dói ainda mais.

Demora a passar.
É como arrancar um dente. A gente tem que arrancar de uma só vez.
Não deixar que ele fique ali, doendo.

Amar pela metade é o mesmo que não amar.
Odiar pela metade é o mesmo que não odiar.

Tudo que é pela metade não tem a menor graça.
Não vale a pena.

Não seja pela metade.
Seja inteiro.

Se permita...