24/07/2010

Deixa estar que o que for pra ser, vigora!



"Sai de si
Vem curar teu mal
Te transbordo em som
Põe juizo em mim
Teu olhar me tirou daqui
Ampliou meu ser
Quero um pouco mais
Não tudo
Pra gente não perder a graça no escuro
No fundo
Pode ser até pouquinho
Sendo só pra mim sim

Olhe só
Como a noite cresce em glória
E a distância traz
Nosso amanhecer
Deixa estar que o que for pra ser vigora
Eu sou tão feliz
Vamos dividir

Os sonhos
Que podem transformar o rumo da história
Vem logo
Que o tempo voa como eu
Quando penso em você."

[Encontro - Maria Gadu]

Acho lindissima essa música.
Agora prefiro VIVER como diz esta frase: "deixa estar que o que for pra ser, vigora."
Deixando as coisas acontecerem a seu tempo, a seu modo.
O que tiver que ser vai ser.
Claro que não posso ser "passiva" o tempo inteiro mas estou simplesmente VIVENDO.
E está sendo bom...
Por enquanto só tem me feito bem, só estou com pessoas que gosto e que gostam muito de mim e que tornam esses momentos mais que especiais.

É engraçado como as vezes a gente até sabe que tais pessoas são especiais para nós, mas em certas horas elas parecem ainda mais e chegamos a nos sentir meio que "culpados", pensando se demos o devido valor a estas pessoas.

Sou abençoada em relação a isso.
Já perdi muitos "amigos", mas os que mantenho comigo são imprescindíveis em minha vida. Fazem parte do meu ser.
Me completam.

'Colorem' cada instante que passamos juntos...

Já não há tanta dor.
Com estas pessoas, não sinto minhas feridas. Esqueço que elas existem. (Ao menos por um tempo...)
Uma dessas pessoas, faz parte da minha vida há anos e nutria por mim um afeto maior do que eu imaginava. Amor, talvez sim, mas acho que de amigo mesmo. Mas havia ali uma paixãozinha escondida nesses anos de amizade.
Sempre fui verdadeira e disse que talvez não pudesse corresponder ao que ele sentia.
É uma história complicadíssima. E ele conhece toda a "história".
Mas isso não importou...

Sabemos que é provável que nunca passe de uma amizade "colorida" por vários motivos.. Mas cada instante é vivido com muito carinho, afeto, atenção e amizade/amor.
É o que eu estava de certa forma precisando... E ele também.

Não quero pensar no depois.
E não quero pensar no passado.

DEIXA ESTAR QUE O QUE FOR PRA SER, VIGORA....

19/07/2010

Mais uma para a coleção.




Para "você", (mesmo que não leia..)

A gente se reencontrou, e agora de uma maneira estranha, e eu não gostaria que terminasse assim.
Situação chata... Trocas de olhares "acusatórios".
Por torpedos combinamos de conversar, afinal nunca fizemos isso cara a cara, nunca conversamos sobre "nós".Era madrugada e falei nas mensagens o que sinto e também falei que não percebo o mesmo de você.
Você disse que eu estava errada, que gosta de mim, e que iria sim ao meu encontro para conversarmos direito.
O dia passou tão devagar...
Mas a noite chegou e você não.
E nem mesmo me ligou...
Eu como sempre, havia ficado esperando... É o que mais fiz, né?
Mas cansei.
Pessoas que não se importam comigo também não merecem que eu me importe.
Já te disse que palavras sem atitudes são apenas palavras.


O pior é descobrir que tudo foi em vão, que nada teve importância para você.
Que este sentimento, apesar de não ser tão intenso como antes, ainda existe mas precisa ser calado, abafado.

Mesmo não sendo o mesmo de antes, o que sinto por você parece "maior" do que o que sente por mim.
Acho que eu já sabia que nunca daria certo.
Só não queria enxergar...
Não queria adimitir.
Ainda havia esperança em mim, em algum lugar...

Mas nosso tempo já passou.
Não há como voltar atrás, não há como RE-viver.
Algo ficou mal resolvido, mas parece que é assim que tem que ser.
Você não fez nada para que esta situação fosse diferente.
Eu fiz mais do que podia.

Não quero mais me machucar e correr o risco de machucar outras pessoas..
Não quero continuar batendo numa tecla que não resulta em nada.
Não quero mais esperar por um amor que nunca chega, nunca se mostra..

O tempo é remédio.E ele irá cuidar das feridas abertas.
Um dia passa.
Viram apenas cicatrizes. Como as que já possuo.

É uma pena..
Poderia ter sido diferente...
Mas sozinha não é possível.

Melhor guardar as lembranças... Aquele foi o nosso tempo e foi bom.
E é assim que quero me lembrar de você.
___________________________________________

"Não importa se somos fortes, traumas sempre deixam uma cicatriz. Seguem-nos até nossas casas, mudam nossas vidas. Traumas derrubam a todos, mas talvez essa seja a razão. Toda a dor, o medo, as idiotices. Talvez viver isso é que nos faz seguir adiante, é o que nos impulsiona. Talvez precisamos cair um pouco para levantar novamente."

[Grey’s Anatomy]

13/07/2010

São coisas da vida...




As coisas mudam de uma hora para outra.
E tantas vezes pensamos: nunca irá acontecer comigo.
Mas como as coisas mudam...Acontece.
De uma hora pra outra descobri uma fratura na coluna.
E em consequência, que seria preciso uma cirurgia, para colocar 4 parafusos(ao menos algora eu não tenho "parafuso faltando" e sim sobrando..rs).
Mudança radical em 1 ano.
No meu corpo e na minha personalidade.

Mas não foram só essas as consequências...
Devido a minha "situaçãao atual", alguns desejos e/ou sonhos tiveram que ser riscados dos meus planos.
Ex: sempre gostei de esportes radicais, de natureza, adrenalina, escalada, cachoeira, rapel..Sempre quis voar de asa delta também (sensação de liberdade...Já disse que se pudesse ter um poder, escolheria voar). Mas a maior parte destas coisas, como parapeint, bungjump tb..Não posso nem pensar em fazer...
Pode parecer uma coisa boba para alguns de vocês, mas para mim representou algo como a não-realização de sonhos.

Deixar de fazer algo porque você decidiu não fazer, porque desistiu, é uma coisa.
Ser impedido, é uma sensação horrível.

Que conclusão tirei paraa mim?
Que não posso maais desperdiçar tanto o meu tempo.
Como disse, as coisas mudam de uma hora para outra.

Preciso realizar meus sonhos e desejos, preciso fazer o melhor de mim, ser o melhor que puder, me amar.

A vida pede urgência.
Não dá pra ficar parado.
Ou você a vive da melhor forma que pode, aproveitando cada momento, correndo atrás dos objetivos e realizando sonhos, ou ela te derruba.
E os tombos, te garanto: costumam machucar.
E deixam cicatrizes...

08/07/2010

E assim seguimos.




É impressionante como algumas pessoas nunca mudam.
O tempo passa, mas suas atitudes são sempre as mesmas.
Aprendi "na marra" como lidar com você.
Naquele tempo eu dizia "amém" às coisas que você dizia, me derretia com suas falsas declarações e promessas, acreditava em suas mentiras...
Hoje você percebeu que sou outra.

Naquele tempo era apaixonada por você...Sofria por você, por cada "bolo" que me dava, cada ligação que não atendia...
Hoje confesso que ainda sinto atração. Mas apenas isso. Química. Coisa de corpo...
E pra mim, tanto faz, tanto fez...
Com o tempo percebi que as coisas entre nós nunca passarão disso. Uma coisa casual...
Já lamentei este fato. Hoje estou conformada e até acho melhor assim.
Provavelmente não daríamos certo se nosso caso fosse mais sério.

Você se tornou previsível...
Não espero mais suas ligações.
Não espero que me retorne. Não o procuro.
Não espero justificativas (afinal, quase tenho um caderno das suas "desculpas").
O conheço o suficiente para saber que sempre será assim.
É da sua natureza.
Não te culpo.
Simplesmente não crio expectativas.

Sinto muito por você...
Por continuar na mesma... Por não conseguir, ou não tentar mudar.
Talvez seja mesmo feliz dessa forma, né?
Mas acho que não será para sempre.
Algum dia você irá perceber que agir desta maneira com as pessoas (pois não é assim só comigo), só prejudica a você mesmo.
Enquanto isso...
Nossa relação irá continuar desse jeito "casual"...
Uma amizade colorida.
Até o dia em que essa situação também cansar, ou em que eu encontrar alguém que faça com que eu me sinta bem, sem necessidade de mais nada, e eu não desejarei mais nada além da sua amizade.

E estas duas coisas não estão longe de acontecer.
Por enquanto, vamos "aproveitando um do outro", nos curtindo de vez em quando.. Deixando a química rolar, afinal é muuito bom, eu confesso.

De tempos em tempos a gente se reencontra...

02/07/2010

Meus "amigos" fantasmas



Alguns fantasmas ainda me assombram...

Lembranças do passado que teimam em voltar.
Um passado em que eu via meu presente desmoronando e previa meu futuro, com temor.
Laços que se afrouxaram...Outros desataram.
E eu, me perdi.
Ou me encontrei?
Perdi parte de mim.
Encontrei parte que não sabia que poderia existir.
"Mudanças as vezes requerem sacrifícios!"
Mudei... sem querer e por querer.
Me mudaram.
Mudaram comigo.
E eu sofri.
E ainda dói tudo isso.

Fazia um tempo não sentia essas dores...

Mas a ferida resolveu sangrar de repente.
E as lágrimas em minha face tornaram a rolar.
A solidão, companheira, que nunca "me deixa só", nunca me abandona,
tornou a lembrar-me que sempre esteve comigo.

_________________________________________


Desculpem os sumiços...
E quanto a isso aí, aos poucos está melhorando.
_____________
Uma pena a derrota da seleção...
Foi triste o fim.
Mas foi bom enquanto durou.
______________
Tristeza maior é o que anda acontecendo em nosso país..
Acho que eu não teria estrutura para suportar aquela situação de ver minha cidade completamente destruída pelas chuvas, pelas enchentes...
Ver as pessoas sem o que comer, sem onde ao menos "sentar para descansar", sem saber por onde REcomeçar...

Não é a primeira que acontece e com certeza não será a ultima.
Só nos resta ter solidariedade, lembrar que somos "irmãos", e ajudarmos como pudermos.

Para quem deseja fazer doações, aqui estão algumas informações.
________________________

BeijO grande...