04/01/2010

Reencontro




Engraçado como certas coisas e certos sentimentos não mudam com o passar do tempo.
Quando estava longe de você, mal me lembrava daqueles dias.
Agora eles vem à minha mente sem que eu possa controlá-los.
Quando você estava longe dos meus olhos,
Quando não sentia o seu cheiro,
O seu abraço,
O seu calor,
Achava que aquilo tudo havia passado.

Que engano! Doce engano!
Foi só te encontrar novamente,
E aqueles sentimentos de anos atrás parecem ter renascido.
Te ver e sentir novamente as borboletas batendo as asas na minha barriga..
Um sorriso largo e radiante...
Aquele brilho no olhar...
Sentir o gosto do teu beijo, o carinho dos teus dedos,
o aperto e o calor dos teus abraços,
me levaram para um tempo bom.
Um tempo que realmente éramos felizes e não sabíamos!
São boas lembranças.

Sei que o tempo já passou..
Sei que as coisas mudaram..
Que nós mudamos muito.
Sei que eu errei muito e você também, um pouco.

Se eu pudesse voltar no tempo, faria algumas coisas de um modo diferente.
Ou não...
Talvez tenha sido melhor assim.
Talvez hoje, como estamos, como somos, seja ainda melhor do que antes.
Talvez o tempo não tenha passado..
E os sentimentos apenas guardados, esperando, quem sabe, uma chance para reviver.
Sei que não poderemos estar sempre juntos.
E isso pode impedir que tudo seja como um dia foi.
Mas me conforta saber que logo iremos nos reencontrar.
E que irá ser tão bom como foi nestes dias!

Você ainda é muito especial para mim...

______________________________________
Atras da porta

"Quando olhaste bem nos olhos meus
E o teu olhar era de adeus
Juro não acreditei
Eu te estranhei, me debrucei
sobre o teu corpo e duvidei
E me arrastei, te arranhei
E me agarrei nos teus cabelos
Nos teus pêlos, no teu pijama
Nos teus pés, ao pé da cama.
Sem carinho, sem coberta
No tapete atrás da porta
Reclamei baixinho
Dei pra maldizer o nosso lar
Para sujar teu nome, te humilhar
E me vingar a qualquer preço
Te adorando pelo avesso
Pra mostrar que ainda sou tua
Só para mostrar que ainda sou tua..."

[[Chico Buarque]]

5 comentários:

Hannah disse...

Sei bem como são esses reencontros... é incrível como algumas pessoas permanecem mesmo estando distantes, e cada encontro é único e especial.

Ah essa música é perfeita!! Tenho escutado muito, mas na voz da Elis Regina que faz uma interpretação única.

Beijoss

Rafaela Martins disse...

adorei o post , Parabens.

Maria Luisa disse...

Muito lindo, parabens!
Se der passa lá no meu blog, estou reativando-o http://dreams-sweetdreams.blogspot.com/

bjs

dand disse...

Oiii tudo joia?

Este reencontro de que vocÊ escreveu, eu vou tê-lo daqui uns anos. Será inevitável, e penso em como vi ser, o que vou dizer, o que vou ouvir. No medo que vou sentir...mas se eu tivesse que escolher mesmo, preferiria não viver esse reencontro, mas sei que será inevitável...Então, espero que até lá eu esteja muito bem equilibrado pra agir da melhor forma possivel..

Grande abraçoooOOO.

Dand.^^.

RaH disse...

Dand,
Não tenha medo.
Não fique planejando..
Deixe acontecer.
As melhores coisas da vida acontecem assim, naturalmente.

Se é algo inevitável, pra quê ficar sofrendo antecipadamente?
Talvez seja muito melhor do que você está imaginando!

^^