07/02/2010

Escolhas de uma Vida!




Olá, meus amores!

Para hoje, escolhi um texto do Bial que eu adorei.
Tem tudo a ver comigo. Na verdade, com todos nós, eu acho.
Espero que vocês gostem.
É ótimo para iniciar uma semana!

Ps: esqueci de comentar. Consegui resolver o meu "pepino" com o INSS. Tá vendo? Quando a gente luta pelos nossos direitos a coisa anda. Se ficamos calados eles aproveitam. "Conversei" com o gerente após umas 2h de espera na quarta-feira (ele estava em horário de almoço e depois ficou uma meia hora "ocupado"), ele me pediu alguns documentos comprovando os tratamentos que estive fazendo neste período todo que fiquei aguardando a perícia, e me mandou retornar na quinta pra resolver meu caso. Retornei, claro. Com todos os documentos e até os exames. Ele olhou tudo e remarcou a perícia para dia 08/02 segunda-feira. Ainda me pediu para que eu o procurasse depois para que contasse como foi a perícia. E desejou sorte.. pff! haha!
Quinta foi tenso.. Aula.. Inss... E consulta com meu médico em Bh. Minha consulta era às 18:30. Fui atendida às 21h. Mas só fui pro consultório umas 20h e pouco mesmo.. Já conheço o sistema. (rs!) Médico competente e solicitado como ele é assim mesmo. Consulta com ele dura mais ou menos 1h. Às vezes mais. Ele aumentou meu remédio. Imaginem como fiquei "grog" na sexta de manhã na primeira aula? Completamente viajando! kkkkkk! Mas espero que surta efeito! Estes dias a coluna tem me dado trabalho! As dores estão intensas... Companheiras fiéis! Não me largam um só dia.
Mudando de assunto, essa semana é meu aniversário. Terça-feira. Farei um post especial pra falar sobre como me sinto quanto a isso.
Por hoje é só.

Me desejem sorte para amanhã. Sorte e paciência!
Fiquem com o belo texto do Bial...



Escolhas de uma vida

A certa altura do filme Crimes e Pecados, o personagem interpretado por Woody Allen diz:

"- Nós somos a soma das nossas decisões".

Essa frase acomodou-se na minha massa cinzenta e de lá nunca mais saiu. Compartilho do ceticismo de Allen: a gente é o que a gente escolhe ser, o destino pouco tem a ver com isso.

Desde pequenos aprendemos que, ao fazer uma opção,estamos descartando outra, e de opção em opção vamos tecendo essa teia que se convencionou chamar "minha vida".

Não é tarefa fácil. No momento em que se escolhe ser médico, se está abrindo mão de ser piloto de avião. Ao optar pela vida de atriz, será quase impossível conciliar com a arquitetura. No amor, a mesma coisa: namora-se um, outro, e mais outro, num excitante vai-vém de romances. Até que chega um momento em que é preciso decidir entre passar o resto da vida sem compromisso formal com alguém, apenas vivenciando amores e deixando-os ir embora quando se findam, ou casar, e através do casamento fundar uma microempresa, com direito a casa própria, orçamento doméstico e responsabilidades.

As duas opções têm seus prós e contras: viver sem laços e viver com laços...

Escolha: beber até cair ou virar vegetariano e budista?
Todas as alternativas são válidas, mas há um preço a pagar por elas.

Quem dera pudéssemos ser uma pessoa diferente a cada 6 meses,
ser casados de segunda a sexta e solteiros nos finais de semana,
ter filhos quando se está bem-disposto e não tê-los quando se está cansado.
Por isso é tão importante o auto conhecimento.
Por isso é necessário ler muito, ouvir os outros, estagiar em várias tribos, prestar atenção ao que acontece em volta e não cultivar preconceitos.
Nossas escolhas não podem ser apenas intuitivas, elas têm que refletir o que a gente é.
Lógico que se deve reavaliar decisões e trocar de caminho: Ninguém é o mesmo para sempre.

Mas que essas mudanças de rota venham para acrescentar, e não para anular a vivência do caminho anteriormente percorrido.
A estrada é longa e o tempo é curto.
Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as conseqüências destas ações.

Lembrem-se: suas escolhas têm 50% de chance de darem certo, mas também 50% de chance de darem errado.

A escolha é sua...!

[Pedro Bial]



Ótima semana para todos!

5 comentários:

Fran disse...

Preimeiramente espero que a sua dor passe logo e que d~e tudo certo :)
Quanto ao texto: Bial sempre tem lindas palavras. às vezes me pergunto com o saber a escolha certa? Aí lembro daquela famosa frase: sempre terá uma estrada de retorno.Só que às vezes voltar e fazer tudo de novo é tão difícil que alguns preferem ficar a vida toda no caminho errado.
Deve ser isso que acontece ne?!

Beeijos!

"Docka" Boneca Platinada disse...

Rah, na época em que era estagiária da justica federal vivenciava a forma como o INSS trabalhava...posso dizer que uma tartaruga é bem mais rápida.
Bem, desejo que tudo termine bem, sem mais filas de espera e "jogo de impurra" da parte deles.

Ah! Amei o texto do Bial, e concordo sim, a vida é feita de escolhas, e a partir do momento q decidimos por algo, "abrimos mão" de outras coisas, não tem jeito.

Um beijo e fico esperando seu post sobre o aniversário,ok? :)

Desabafando disse...

Espero que vc fique bem logo, que bom que conseguiu resolver o INSS, tem que brigar mesmo, infelizmente.

E devo dizer que adorei o texto do Bial...a vida é feita sim de escolhas e precisamos estar conscientes do que queremos e assumi-las.

Déia disse...

Oieeeeeeeeee

Obaaaa aniversário, é?

Venho aqui cantar parabens!!! rsrsrsrs

Linda, que bom que deu certo o lance no INSS...parabens pela sua perseverança!

E o texto do Bial? nossa! perfeito!

bjkas

Enrique Coimbra disse...

Texto MIL! Bem legal. Agora, que bom que resolveu seu pepino (QQQQQQ). pra você ver: pra conseguir certas coisas é preciso LUTAR. LUTAR, cara, que absurdo aff