15/05/2010

Dando explicações..!



Olá queridos..

Percebi que a grande maioria pensou que eu havia escrito para "alguém".
Como disse a Déia, talvez tenha mesmo, meio que inconscientemente.
Não posso negar que exista alguém. Sempre existiu, e já falei dele aqui.
Mas se é dele que falo, é de maneira "idealizada".

Não estou mais "sofrendo" por causa dele (ou por minha causa?).
Estou com o meu coração tranqüilo, no sentido de que apesar de estar com um cantinho ocupado, ainda há muito espaço dentro dele, e ele está aberto.
Aberto e com vontade de ser preenchido.
Estou precisando de "vida".
Sabe aquela vida que só uma paixão "avassaladora" nos dá?
Pois é.. Essa vida.
Poder viver uma paixão.

Amor a gente guarda...
O tempo pode passar, mas o amor fica ali, mesmo adormecido.
Esperando só o momento certo para despertar novamente.

Se eu pudesse, com certeza escolheria estar vivendo este "amor".
Mas as coisas não dependem só de mim.
E as vezes parece que muitas coisas conspiram contra nós.

Estou deixando as águas rolarem..
Deixando acontecer.
Hoje somos "amigos".
Amanhã, não sei.

Está sendo mais fácil assim.
(por mais que as vezes eu perceba, que é uma maneira de me "enganar" para não sofrer).
______________________________________
Estou começando a voltar para a minha rotinha.
Provavelmente volto a trabalhar no inicio do mês que vem (depois de um ano de licença!).
Estou voltando aos poucos a sair com amigos que não via há um tempão.
E tentando carregar junto uma amiga/irmã que virou mãe-esposa e estava achando que a vida acabou...rs!
Mês que vem terá uma trance aqui em Bh. A Playground.
Pra quem não sabe, eu gosto demais de trance. Musica eletrônica é bom demais! E ir numa trance, para mim, é quase como tomar um banho de cachoeira. Lava a alma.
Faz muito tempo que não vou. Fiquei longe das festas por causa da cirurgia e do tratamento. Mas agora vou começar a voltar. Claro que com todo cuidado, né?
Sem abusos! ;)
______________________________________

Enfim...
Eu ando um pouco cansada de algumas coisas e pessoas.
E estou precisando começar a mudar isso, mudar de ambientes, de "amigos", de postura com algumas pessoas...
E principalmente começar a mudar algumas coisas em mim mesma.
Já dizia Pessoa, "..É o tempo da travessia, e se não ousarmos fazê-la estaremos para sempre à margem de nós mesmos."

BeijO!

Saber saborear...
______________________________________

"... Cansei de pedir. Para que o milagre aconteça é preciso não esperá-lo. Nada mais quero..."
[Clarisse L.]


"..Eu vou ficar esperando você numa tarde cinzenta de inverno bem no meio duma praça.
Minha voz vai querer dizer tanta coisa que eu vou ficar calada um tempo enorme só olhando você sem dizer nada."

[Caio F. Abreu]

6 comentários:

serpai disse...

Olá!

É isso aí... manter o coração aberto para a vida, vida que só uma paixão "avassaladora" nos dá!
Muito bem, assim é que se fala...

Saludos

Sergio.

Grasi disse...

Oi querida....
Também me sinto meio assim, sabe?! Por isso te entendo...
Tb me sinto "aberta e com vontade de ser preenchida", mas hoje ainda fazendo uma faxina na minha vida, deixando pelo caminho pessoas que não são necessárias e só me ocupam. Tb me sinto "cheia" de gente vazia.
E qto a voltares a ter uma rotina diferente, acho ótimo... a gente merece voltar a viver :)

Bjão e um domingo super iluminado.

Desabafando disse...

Fiquei impressionada porque me identifiquei totalmente com uma parte do seu post, que fala de necessidade. E se acha que é hora de rever algumas posturas, reveja, mude aquilo que lhe incomoda.

Daniele disse...

haha
tentanu me carregar neh!
sei
mas tomara q c me carregue pq vida de casado eh phoda!

mas n posso esquecer disso (CASADA!)

tenho q dar satisfações, e se o tal n quiser q eu va tenho q respeitar.
mas vou voltar a sair sim, ja tava ficanu estressada com tudo aki ja!
aff!

Te amo.. sempre!!!

Maria Luisa disse...

"Se eu pudesse, com certeza escolheria estar vivendo este "amor".
Mas as coisas não dependem só de mim.
E as vezes parece que muitas coisas conspiram contra nós."

Sei exatamente o que é isso, ou sabia, pois além de perder um amor, perdi uma amigo recentemente...

Boa sorte pra você, que tudo se ajeite.

bjos

Enrique Coimbra disse...

Adoro essas épocas que a gente sente que tem que mudar muita coisa na vida, sejam as companhias ou ambientes. Tudo faz parte de um reflexo de como nos sentimos do lado de dentro do corpo, no coração, na mente, na saúde. E é isso.