12/01/2011

Seres Paradoxais




"É refrescante tirar toda a maquiagem e ser o que sempre fomos, seres humanos, tolos e lúcidos, incoerentes e sábios, frágeis e seguros, enfim, paradoxais.
Quem não inventa sua história não reescreve seus textos.
Lembrem-se:

Não há ser humano que não tenha ou não construa seus fantasmas."

[A.Cury - O Vendedor de Sonhos e a Revolução dos Anônimos]

Não é mesmo que somos extremamente paradoxais?
Mudamos de "humor" de uma hora para outra...
Podemos estar sentindo medo em determinada situação, mas arrancamos coragem e força sem saber de onde, para lutar por nossas vidas e pela de quem amamos!
Passamos de alegres a depressivos se algo acontece...
Somos explosivos em situações que pedem calma... E nos arrependemos muito depois!
Odiamos uma pessoa, mas no fundo, odiamos por amá-la tanto...
Enfrentamos situações extremas todos os dias, mas trememos de medo ante perigos imaginários...
Temos medo de amar, mas arriscamos.
Nos decepcionamos com as pessoas, mas acreditamos nelas.

Somos mesmo seres incríveis...
Ser humanos é mesmo isso.
Acreditar e viver. Apesar de. E há pesar.

_____________
Para ouvir:
Quase sem querer - Legião Urbana




Gosto d+ de Legião...
E essa música é linda!

BeeijO, amores!

4 comentários:

*** Cris *** disse...

OLá,td bem?
É isso aí, somos seres extremamente paradoxais.
Bjs!

B. disse...

Realmente somos paradoxais. Estou louca para ler esse livro do Augusto, só li o primeiro!
Beijos, sucesso.

RaH disse...

Recomendo!
Gostei muito..
Já querendo ler o terceiro!
:D

Desabafando disse...

Pois é bem assim mesmo..me considero totalmente paradoxal.