21/10/2012

O Eterno que acabou


Hoje me bateu uma enorme saudade de pessoas que não estão mais presentes em minha vida.
Relendo cartas, revendo fotos, relembrando memórias..
Objetos guardados com carinho de uma época feliz.
Experimentei colocar aquela aliança com os dizeres 'amor eterno'.
Hoje ela está mais larga... Não me lembro se já era assim naquele tempo...
Algumas lágrimas escorreram.
Por lembrar de promessas feitas, brincadeiras, palavras, momentos felizes, de um amor 'eterno' que ficou para trás.
Nada é eterno.
Nem os amores e nem as dores.

Mas é bom saber que já fui amada daquela maneira.

Que havia alguém que largaria tudo e todos por mim, que as coisas e os lugares só eram mais agradáveis se estivesse ao meu lado, que me tinha como uma companheira, que acreditava e lutava por mim, era parceiro, amigo, amante... Era alguém em quem podia confiar. Que não tinha medo de me amar e demonstrar isso.
Gritava para o mundo ouvir. Mesmo que parecesse um bobo ou um louco...
Era aquele que viria correndo de onde estivesse se eu chamasse.
Que fazia de tudo para estar comigo...

Mas deixamos isso acabar.
Deixamos que outras pessoas interferissem.
Que a distância atrapalhasse...
E o que era eterno, acabou.

Mesmo assim, obrigada por ter me feito uma mulher tão amada e tão feliz.
Espero poder amar e ser amada assim novamente.

Um comentário:

Anônimo disse...

É uma pena que um amor desse tenha acabado.
Mas tenha certeza, linda..
você vai achar outro alguém assim ainda.
Ou quem sabe nao tenha acabado mesmo e so nao tenha sido o momento?
bacana seu blog.
encontrei aleatoriamente e voltarei.