06/03/2013

O homem quando está em paz...



Você pode não ser um fã de 'carteirinha', você pode não ter ido à sequer um show, você pode não conhecer muito sobre ele, mas pode ter certeza, você sabe o melhor que ele pôde passar, seu dom, seu som, um desabafo, você já cantou as letras que ele compôs, você com certeza já precisou das letras que minunciosamente ele criou para se expressar, para se declarar... é mais que certo dizer que Alexandre Magno, Chorão, Charlie Brown, vai fazer falta.

 Triste e amargo saber que não mais ouviremos sua voz "tão natural quanto a luz do dia" ...

Embalou muitos momentos da minha adolescência.
Marcou vários outros da minha juventude e posso dizer que suas letras me fizeram e fazem pensar tanto sobre a minha vida quanto sobre a sociedade da qual fazemos parte.
Me arrancou risos e lágrimas.. Cantei com a voz rouca de tanto gritar, de tanto chorar... 
Cantei alto, cantei baixinho e so em pensamento...
Só os loucos sabem o efeito que suas musicas provocam.

Você deixou saudades.... Hoje somos todos Chorões.


Nenhum comentário: